Três dias dedicados ao mel

Ourém foi o palco de destaque da fileira do mel. O Centro de Negócios recebeu expositores de todo o país que mostraram o que de melhor se produz no sector apícola e as diferentes aplicações do mel em produtos tão diversos, como a higiene e a saúde, sem esquecer o sector alimentar.
A adesão superou todas as expectativas, tendo o evento sido participado por mais de duas mil pessoas.
A juntar à mostra da fileira do mel, decorreu no sábado dia 14, o Fórum Nacional da Apicultura, onde foram debatidas as questões que mais preocupam o sector e onde foram, igualmente, apresentados resultados de investigações que acrescentam inovação à apicultura.
Manuel Gonçalves, presidente da Federação Nacional do Mel mostrou interesse em aceitar o desafio lançado por Paulo Fonseca, na abertura da X Feira do Mel, para que se instalasse em Ourém a sede dos eventos nacionais da Apicultura.
"Melhor do que isto não há. Temos visitantes de todo o país e também de Espanha e França. É importante criar-se o hábito de se fazer negócio neste tipo de eventos," referiu o presidente da FNAP, Manuel Gonçalves, sublinhando que "esta área geográfica tem tipos de mel monoflorais (predominância de uma planta) que lhe atribui características únicas e que o torna muito procurado. Este evento pode potenciar a apicultura nesta área geográfica

Sem comentários: